domingo, 2 de dezembro de 2012

ITAJARA DIAS E VINNICIUS DIAS APRESENTAM-SE NA SALA DE CONCERTO DA CASA DE CULTURA E FRIBURGO- RJ EM 8 DE DEZEMBRO


O compositor ITAJARA DIAS pianista do Theatro Municipal do Rio de Janeiro e seu convidado especial o pianista VINNICIUS DIAS,

Pai e filho em seu projeto UM PIANO NA RUA, apresentam-se na SALA DE CONCERTO DA CASA DE CULTURA (antigo Fórum). Dia 08 de dezembro de 2012, sábado, às 18h, "Concerto de Natal".
 
 

ITAJARA DIAS e VINNICIUS DIAS pianistas
 
 
Programa
 

 
ITAJARA DIAS:
Ernesto Nazareth
– Brejeiro (tango brasileiro); Ernesto Nazareth – Eponina (valsa); Ernesto Nazareth – Escorregando (tango brasileiro); Ernesto Nazareth – Elegantíssima (valsa); Ernesto Nazareth – Odeon (tango brasileiro)


VINNICIUS DIAS:

F. Chopin
– Estudo op. 10 n° 12 "Revolucionário"; Sergei RachmaninoffÉtude-Tableaux, op. 33, n° 7 em Mi bemol maior.; Itajara Dias – Prelúdio n° 4 "Dança de Anhangá".


ITAJARA DIAS e VINNICIUS DIAS

 
(a quatro mãos) J. Brahms – Danças Húngaras, n° 2, n° 11 e n° 5

ITAJARA DIAS composição e interpretação:


  "Girassóis" (valsa); "Renúncia" (valsa); "Meu Perdão" ; "Venus" (valsa); "Romance"; "Sophia" (balada)

Bach-Gounod

 Ave Maria (interpretada a quatro mãos por ITAJARA DIAS VINNICIUS DIAS)
 

 

ITAJARA DIAS e VINNICIUS DIAS - pianistas
 
 

 
Compositor ITAJARA DIAS pianista do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, com mais 30 anos de carreira, tem se apresentado com sucesso em Salas de Concerto do Brasil e exterior. Nascido na cidade do Rio de Janeiro em 25 de março de 1957. Iniciou seus estudos de música a partir de quatro anos de idade com acordeom, fazendo várias apresentações, inclusive em rádios locais. Aos nove anos, começou a escrever suas primeiras composições. Até hoje, sendo este compositor criador de aproximadamente 500 composições de estilo erudito. Aos 12 anos iniciou seus estudos de violino e aos 14 decidiu ingressar no Conservatório de Música de Niterói, identificando-se finalmente com o instrumento musical de sua vida: o piano. Graduou-se em Piano pela Faculdade do Conservatório de Música de Niterói. Itajara Dias é também psicólogo, tendo exercido a função durante alguns anos e, após manter as duas atividades intensamente, optou pela música como expressão maior dos seus objetivos.
O pianista ITAJARA DIAS acaba de chegar de uma turnê pela Europa, apresentando-se na Itália (mês de julho/2012) e Alemanha (mês de agosto/2012), lançando o seu mais novo CD "LUZES". Tendo como convidado especial, o filho e também pianista Vinnicius Dias, os dois fazendo solos e tocando a quatro mãos e a dois pianos.
Em julho de 2011, foi homenageado juntamente com outras personalidades brasileiras e russas, como pianista e compositor brasileiro pelo Consulado Geral da Federação da Rússia, em cerimônia de comemoração do Bicentenário do PRIMEIRO CONSULADO RUSSO NO RIO DE JANEIRO.  
Em março de 2009, ITAJARA DIAS foi homenageado no Consulado Geral da Federação da Rússia, na abertura das comemorações dos seus 30 anos de carreira, com um recital de músicas russas e de sua autoria, tendo como convidado especial, seu filho VINNICIUS DIAS. Continuando as comemorações fez recital no Teatro Municipal de Niterói, um concerto acompanhado do filho Vinnicius Dias tocando a quatro mãos e a dois pianos.
Em 2006 criou o seu Projeto "Um Piano na Rua",  e vem se apresentado com a participação especial do seu filho pianista de 22 anos, Vinnicius Dias, levando música clássica (os clássicos mais populares) às capitais e às cidades do interior do Brasil, incluindo bairros da cidade do Rio de Janeiro.
Sempre realizando grandes apresentações, por diversas vezes, como no Theatro Municipal do Rio de Janeiro (inclusive executando suas composições coreografadas pelo Ballet do Theatro), Sala Cecília Meireles, Teatro Municipal de Niterói, Teatro da UFF, Salão Dourado da UFRJ, Consulado Geral da Federação da Rússia, Centro Cultural do Banco do Brasil-CCBB, Centro Cultural da Justiça Federal, Museu de Arte Moderna-MAM, Bistrô MAC-Museu de Arte Contemporânea de Niterói, Espaço Cultural José do Rêgo em João Pessoa e em várias cidades e capitais de todo o Brasil, além das salas de concerto na Itália, Estados Unidos e Alemanha.
Itajara Dias, pianista e Ana Botafogo, bailarina,
 apresentaram-se juntos no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Teatro da UFF, Teatro Municipal de Niterói  e Ilha de Caras.  Na segunda visita à Ilha de Caras, com repertório totalmente russo, como solista de músicos da orquestra do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, fazendo também solos individuais. 
Como compositor lançou o CD "PRELÚDIO A UM NOVO DIA" criando a denominação "Psychic Music"  uma versão clássica do que seria um estilo "New Age", formando assim composições meditativas aliadas a uma técnica apurada. O CD inclui uma música do seu filho Vinícius (que está com o pseudônimo de "Itajara Filho"), composta quando ele tinha quatro anos de idade. O arranjo desta composição foi feito pelo pai. O seu CD "MÚSICA PARA CONCERTO", possui 13composições também de sua autoria, totalmente gravado em piano acústico. O novo CD "LUZES", com 13 composições de sua autoria, inclui a Ave Maria de Bach/Gounod, executada a quatro mãos pelo Itajara e seu filho Vinnicius Dias.


 

ITAJARA DIAS e VINNICIUS DIAS

 
 
 
 
VINNICIUS DIAS


nasceu na cidade do Rio de Janeiro, em 15 de abril de l990. Com dois anos, já mostrava afinidade com a música, iniciando seus estudos de piano logo cedo com o pai, o consagrado compositor Itajara Dias, pianista do Theatro Municipal do Rio de Janeiro - Brasil.
Com sete anos, foi para o Conservatório de Música de Niterói-RJ, onde estudou com a professora Ruth Vianna. Teve aulas também com a professora Lusa Danico Schneiter e, nos EUA, em NewYork, com a professora Victoria Mushkatikol.
Faz Bacharelado em piano no Conservatório Brasileiro de Música, no Rio de Janeiro- Brasil, tendo como professoras, Maria Teresa Soares e Talita Perez. Atualmente está com um projeto "UM PIANO NAS ESCOLAS". O projeto visa proporcionar aos estudantes, momentos de arte e lazer, desenvolvendo o gosto pelo piano e o conhecimento das obras de compositores nacionais e internacionais. Concomitantemente às apresentações acontecem explicações e comentários curiosos referentes aos aspectos técnicos do piano e da vida e obra dos compositores. A música clássica é, comprovadamente, de larga aceitação em todas as sociedades bastando, para isso, que seja facilitada sua aproximação com o público estudantil, já que os espaços oferecidos são tão reduzidos. A lei nº 11.769, sancionada em 18 de agosto de 2008, determina que a música deverá ser conteúdo obrigatório em toda a Educação Básica. O nosso projeto auxilia diretamente à aceitação dessa lei por parte dos alunos, porque a arte é um precioso instrumento para educar, desenvolver a capacidade crítica, a criatividade, a inteligência e a sociabilidade. A nossa iniciativa de levar recitais às escolas através do projeto "UM PIANO NAS ESCOLAS" visa também alcançar esses bons resultados.
O pianista VINNICIUS DIAS acaba de chegar de uma turnê pela Europa, apresentando-se na Itália (mês de julho/2012) e Alemanha (mês de agosto/2012), em concertos com o compositor Itajara Dias pianista do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, fazendo solos e tocando a quatro mãos e a dois pianos
.

Em 20 de março de 2011, apresentou-se com o pai no relançamento do CD "Musica para Concerto", no Bistrô MAC-Museu de Arte Contemporânea de Niterói. Neste recital receberam convidados especiais como o Vice-cônsul da Rússia Sergey V. Sapozhnikove familia e a bailarina Ana Botafogo que foi homenageada pelo pianista Itajara Dias.
Em julho e agosto de 2010, o pianista VINNICIUS DIAS participou do VLADIMIR NIELSEN PIANO FESTIVAL SUMMER 2010, em Sag Harbor, NY/EUA, como único pianista brasileiro, juntamente com outros jovens talentosos pianistas de países como China, Corea, Costa Rica, EUA, Israel e Rússia. Neste Festival tocou, além de composições de seu pai, o compositor e pianista Itajara Dias, músicas de Villa-Lobos, Ernesto Nazareth e Tchaikovsky.
Aos quatro anos compôs sua primeira música, "Feliz Noite", que se encontra na 5ª faixa, do CD "Prelúdio a Um Novo Dia" do pianista e compositor Itajara Dias. Seguindo o exemplo do pai, Itajara Dias, desde os quatro anos dedica-se à música, estudando piano e compondo. Com o aprimoramento, vem mostrando todo o seu talento, imprimindo muita técnica e emoção em clássicos consagrados.
Sua primeira apresentação de piano foi aos oito anos de idade, no lançamento deste CD, tocando sua composição a quatro mãos com o pai, além de dar uma canja tocando o Minueto em Sol de Bach.
Neste mesmo ano, fez seu primeiro recital de piano e canto no Orfanato Teresinha de Jesus, na Tijuca, Rio de Janeiro, com toda a renda destinada ao Orfanato.
Com 8 anos de idade apresentou-se também em recital beneficente no Chico’s Bar, no Rio, para crianças com câncer, assistidas pelo Instituto Nacional do Câncer (INCA), comemorando o Dia das Crianças. E não parou mais de tocar e compor.
No Brasil (Rio de Janeiro), apresentou-se no Museu do Primeiro Reinado, Centro Cultural da Justiça Federal (várias vezes), MAM - Museu de Arte Moderna, Centro Cultural do Banco do Brasil-CCBB (pelo projeto Música no Museu). Centro Cultural da Justiça Eleitoral, Teatro Municipal de Niterói, Teatro da UFF, Conservatório Brasileiro de Música, Conservatório de Música de Niterói.
Em 2007, participou das gravações do CD e DVD Música Nova, da Série Música Brasileira no Tempo, com a Orquestra Sinfônica Nacional da UFF, tocando celesta e teclado, sob a regência da maestrina Ligia Amadio e também em concerto na UFF. Em março de 2009, apresentou-se no Consulado Geral da Federação da Rússia, nas comemorações dos 30 anos de carreira do pai, o consagrado pianista e compositor ITAJARA DIAS.
Apresentou-se no Theatro Municipal do Rio de janeiro, com a Orquestra Sinfônica Nacional da UFF, tocando celesta, sob a regência da maestrina Ligia Amadio, na cantata profana CARMINA BURANA.
Atualmente vem se apresentando nos recitais com o pai, no projeto "UM PIANO NA RUA", e em carreira solo, por diversas cidades do Rio de Janeiro e em outros estados. Algumas das apresentações foram: No Rio de Janeiro Teatro Dina Sfatt – Universidade Gama Filho; Lona Cultural Hermeto Pascoal - Bangu; Unidade Kumon do Méier; Livraria Saraiva-Centro-RJ; Teatro Ramatis; Centro Cultural Léon Denis; Centro Municipal de Referência da Música Carioca, na Tijuca; Teatro da Faculdade de Medicina de Campos dos Goytacazes-RJ; Teatro Municipal de Angra dos Reis - Angra dos Reis-RJ; Teatro Municipal de Itaguaí – Itaguaí-RJ; Teatro do Colégio Marechal Rondon –Mendes – RJ. Em Niterói-RJ: no Museu Solar do Jambeiro, Museu Casa de Cultura Oliveira Vianna, Conservatório de Música de Niterói, ASPI-UFF, Fundação Cultural Avatar; Igreja de São Judas Tadeu, Teatro da UFF e Teatro Municipal de Niterói. Em João Pessoa-PB: no Espaço Cultural José Lins do Rêgo. Além de várias outras cidades.

 ASSISTA AO VÍDEO DE ITAJARA DIAS

 





FORTUNA CRÍTICA


Sua interpretação é sempre elogiada por jornalistas, artistas e personalidades da música, destacando-se o pianista ARTHUR MOREIRA LIMA e o  maestro ELEAZAR DE CARVALHO. Este último escreveu para ele as seguintes palavras: "Parabéns pelo seu bom gosto, boa técnica, suaves sonoridades".



O Maestro Silvio Viegas, Diretor Artístico e Maestro Titular da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, comentou a respeito das músicas do novo CD "Luzes": "Ouvir a obra do pianista Itajara Dias é entrar no universo da música com a evidente influencia da dança. Sua obra é delicada, melódica, dançante, mas igualmente introspectiva e reflexiva. No entanto, em meio a tantas composições próprias de inegável inspiração, chamo atenção para uma leitura de rara sensibilidade da Ave Maria de Bach/Gounod, uma das mais lindas que ouvi. Esse CD é uma prova de que Itajara Dias a cada dia se afirma ainda mais como um dos mais brilhantes compositores e intérpretes da atualidade".

 

ANA BOTAFOGO
primeira bailarina do Theatro Municipal do Rio de Janeiro escreveu: "As músicas compostas por Itajara me inspiram, me enlevam, me fazem sonhar, me tocam a alma e sinto vontade de dançá-las". 


É do escritor PAULO COELHO a frase: "Itajara Dias tem a sensibilidade adequada para captar as emoções mais profundas em suas músicas". 
 

São palavras da professora RUTH VIANNA, diretora do Conservatório de Música de Niterói: "Em 1975, conheci um jovem pretendendo estudar piano. ITAJARA DIAS! Começamos as aulas semanais as quais eram bem recebidas e entendidas. De mente aberta, fácil aproveitamento, desde cedo demonstrando gosto pela arte musical, pelo instrumento, sem perda de tempo. Em pouco tempo tínhamos prontos estudos de Czerny, Chopin, Moscowsky, Mozart, etc. Memorizando com a maior clareza, interpretação fácil e adequada. Que precisa mais, a não ser o tempo e as programações para serem absorvidas com relativa presteza! Um talento, músico de cérebro e de alma! Os anos apenas foram degraus na sua existência, para sua atual performance! Um pianista brasileiro, compositor e um ser humano altamente afinado para este mundo!". 

 


JEOVAH DE ARRUDA CÂMARA
jornalista, antropólogo, musicólogo e crítico de música escreveu: "Itajara, Você teve o privilégio de ser o iniciado escolhido, a fim de descortinar arcanos dos portais onde estava música de harmonias segredadas, até ainda não reveladas à Terra.
 

RODOLFO VALVERDE,
crítico musical, professor e conferencista, comentou: "Das mãos de Itajara, emana um fluxo sonoro límpido, ao mesmo tempo volátil e consistente. Técnica e sensibilidade perfeitamente adequadas ao seu instinto criador de melodias etéreas, jamais embaçadas por harmonias de densidade incompatível com sua leveza".  
Arthur da Távola, escritor, poeta, político e jornalista escreveu: Itajara, agradeço sua atenção ao selecionar qualificadas interpretações e parabéns pelo bom gosto". "(...) Itajara, que tanto aprecia e tão bem interpreta os impressionistas (...)". 
 
Zózimo Barroso do Amaral, colunista social e jornalista, comentou em uma das suas colunas: "Itajara, também conhecido como ‘magic fingers’ (dedos mágicos).
 
Ibrahim Sued, jornalista, colunista social e compositor que muito o admirava, escreveu: "O pianista Itajara, que tão bem interpreta Chopin (...)"
 

Alberto Araújo, editor do Focus Portal Cultural, escritor, poeta e colunista cultural do Jornal Santa Rosa, escreveu:
"Itajara e Vinnicius Dias, uma dupla  pianística imbatível da atualidade, que com suas mãos mágicas espalham sensibilidades. Suas interpretações são brilhantes, suas melodias  harmoniosas nos fazem bem a alma."  
 



A Sala de Concerto fica na 
Praça Getúlio Vargas, 89 - Centro
Friburgo/RJ.


Serviço
 
 
Ingresso: R$ 20,00 (meia para estudantes e idosos).
 


saiba mais...




https://pt-br.facebook.com/itajara.dias




 

Nenhum comentário: