sexta-feira, 2 de agosto de 2013

LANÇAMENTO DUPLO PROMETE APROFUNDAR TEMAS GLOBAIS DELICADOS. CONFIRA AQUI NO FOCUS.

                   

Apostando em realidades presentes no dia a dia, dois livros da editora Desatino pretendem expandir o conhecimento na área da Ciência Política.
 
Primavera Árabe, praça, ruas e revoltas, de Fernando Brancoli, foca as manifestações e protestos ocorridos no norte da África e no Oriente Médio, a partir de 2010.
 
Narcotráfico, uma guerra na guerra, de Thiago Rodrigues, vem em sua segunda edição trabalhar o universo do crime organizado, sempre focado em suas ligações globais.
 
Os livros têm lançamento marcado para o dia 9 de agosto, às 18h
na Livraria Icaraí
Rua Miguel de Frias 9, anexo, Icaraí, Niterói.

 

 




Fernando Brancoli disseca a chamada Primavera Árabe, assunto extremamente atual e presente na mídia. Em seu livro, o autor considera o movimento um dos maiores acontecimentos internacionais da década com as derrubadas de governos, o fortalecimento de ditaduras e toda uma modificação da estrutura de poder da região. Com a apresentação de dados exclusivos coletados ao longo de viagens ao Oriente Médio, a obra é dividida em capítulos temáticos que debatem as principais revoltas na Líbia, Síria, Egito, Bahrein e Tunísia. Uma abordagem inovadora que pretende deixar a leitura mais interessante, não só para especialistas como para leigos que decidam saber mais sobre o assunto.

 



Em sua segunda edição, Narcotráfico, uma guerra na guerra estuda todo o sistema do narcotráfico brasileiro e mundial. As disputas entre ?cartéis?, as ações policiais de repressão, as missões militares de combate ao tráfico, os debates de legalização e as facções do crime organizado são alguns assuntos aprofundados por Thiago Rodrigues. Segundo o autor, os esquemas conectam grupos transnacionais e gangues de rua, além de mobilizar forças policiais e militares. No entanto, a obra não discute apenas esse lado conhecido, mas vai fundo nos lucros econômicos gerados de forma legal e ilegal, nos efeitos políticos pouco debatidos e nas mudanças sociais provocadas por essa prática realizada por organizações criminosas em todo o mundo. Revista e ampliada, essa segunda edição pode ser considerada única no Brasil ao se tratar de narcotráfico.


Sobre os autores:
 



Fernando Brancoli é graduado em Jornalismo pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) e doutorando em Relações Internacionais pelo Programa San Tiago Dantas (UNICAMP/ UNESP/ PUC-SP). É professor do Centro de Estudos Internacionais da UFRJ e trabalhou nos últimos anos em áreas de conflito em diferentes países.
 
 
Thiago Rodrigues é doutor em Relações Internacionais pela PUC-SP com estágio doutoral no IHEAL/Sorbonne Nouvelle. É professor no Departamento de Estudos Estratégicos e Relações Internacionais do Instituto de Estudos Estratégicos da Universidade Federal Fluminense (Inest/UFF) e pesquisador no Núcleo de Sociabilidade Literária (Nu-Sol/PUC-SP).





Fonte:   comunicacao@editora.uff.br 
 
 
 
 

Nenhum comentário: