quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

COBERTURA JORNALÍSTICA E FOTOGRÁFICA DO LIVRO POEMAS PARA A AMIGA E OUTROS DIZERES DA ESCRITORA HELENA PARENTE CUNHA.


(Clicar na imagem para assistir ao vídeo)


Ou clicar no link para assistir ao Canal You Tube do
FOCUS PORTAL CULTURAL




Imagem da Capa do livro
POEMAS PARA A AMIGA E OUTROS DIZERES
Da escritora HELENA PARENTE CUNHA.






“Amigo é coisa para se guardar
Debaixo de sete chaves
Dentro do coração...”

Canção da América-
Milton Nascimento.



A alegria misturada à emoção tomou conta dos corações presentes no  lançamento do livro POEMAS PARA A AMIGA E OUTROS DIZERES da escritora e poeta Helena Parente Cunha.  Escrito em homenagem à amiga professora e doutora em Literatura Angélica  Soares,  o livro atesta, com expressivas imagens, várias décadas de convivência entre ambas na trajetória literária e o intenso  companheirismo.

O grande preito de saudade  à amiga  que "se encantou", como diria Guimarães Rosa, ocorreu na sala de reuniões do PEN Club do Brasil, na tarde/ noite do dia 26 de novembro de 2014 com a presença de cerca de 200 pessoas.

Familiares, amigos, colegas de Angélica e de Helena  coparticiparam  do evento,  coordenado pelo presidente do PEN Clube do Brasil,  Cláudio Aguiar, e sua esposa Célia.

Vários companheiros da Universidade manifestaram-se sobre a  colega que partiu,  pronunciando, na solene ocasião,  emocionantes depoimentos, testemunhos  da amizade. Cada um dos manifestantes  enfatizou as qualidades intelectuais e pessoais  da professora Angélica, realçando a oportunidade de terem com ela convivido, constatando, assim, o seu talento e sua imensa generosidade. Dotada de peculiar marca,  criteriosa e sempre conciliadora, a professora  Angélica deixou frutos de seu trabalho durante sua estada  na Faculdade de Letras na Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Após a justa  homenagem, a renomada escritora Helena Parente Cunha lançou, com o selo da Editora Mulheres, uma coletânea de mensagens e poemas, dedicados à amiga  falecida  em 2013.

Não podemos  deixar de frisar, embora de forma sucinta, o eficiente desempenho  do Presidente do PEN Clube do Brasil,  Cláudio Aguiar, bem como a gentileza de  sua esposa Célia. Acolhendo os visitantes com gestos de boas-vindas,  o casal  demonstrou  savoir-faire, conduzindo a cerimônia com equilíbrio e naturalidade. Sente-se,  no convívio do PEN,  uma atmosfera de cordialidade, como, aliás, deve sempre imperar quando se encontram homens e mulheres voltados para o bem  e para  os dons  do intelecto.

A cerimônia encerrou-se  com um coquetel  oferecido aos presentes pela autora, e coordenado pela primeira dama do PEN Clube do Brasil, a pedagoga Célia Salsa.

Na ocasião tão especial e significativa, vários amigos concederam depoimentos a esta revista eletrônica FOCUS PORTAL CULTURAL. Foram mensagens carinhosas, que bem  justificam a epigrafe escolhida. Trata-se de um  trecho da música do  compositor Milton Nascimento, bastante pertinente à  tocante homenagem:  “Amigo é coisa para se guardar, debaixo de sete chaves, dentro do coração...”.


 
         Alberto Araújo
        Editor do Focus 



Helena Parente Cunha
Escritora e poeta

Helena Parente Cunha nasceu em Salvador (BA), poeta, ficcionista, tradutora, professora universitária, pesquisadora, ensaísta e crítica literária.

A primeira infância, vivida no bairro do Rio Vermelho, deixou marcas que influenciaram a personalidade e a obra da escritora. Os estudos, iniciados em Salvador, prosseguiram no Ginásio Mineiro de Barbacena e no Colégio Bittencourt Silva, em Niterói. Uma vez mais acompanhando a família, retornou a Salvador, onde fez o curso de Letras Neolatinas na antiga Faculdade de Filosofia da Universidade Federal da Bahia, concluído em 1952. 

Obteve em 1954 uma Bolsa de Estudos da CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior) para se especializar em Língua, Literatura e Cultura Italiana em Perúgia, Itália, tendo aí recebido seu primeiro prêmio literário, entre concorrentes de mais de vinte países.

Iniciou a vida profissional no magistério, ensinando italiano na Faculdade onde se graduou, e francês no Colégio Estadual da Bahia.

Ao se casar, em 1958, mudou-se para o Rio de Janeiro e aí fixou residência. Nos anos 60 dedicou-se à tradução de livros, ganhou o 1º lugar em concurso de poesia da Secretaria de Educação e Cultura do Estado e fez as primeiras publicações de poesia e ensaio em antologia e suplementos literários. Em 1968, ingressou para a   recém--fundada Faculdade de Letras da Universidade Federal do Rio de Janeiro, a convite do Professor Eduardo Portella, a fim de participar da sua equipe de estudos e trabalho.


Hoje é Professora Titular de Teoria da Literatura e, na sua Universidade, alcançou os títulos de Mestrado, Doutorado, Livre-Docência, Pós-Doutorado. Entre os cargos administrativos que ocupou, destaca-se o de Diretora da Faculdade de Letras, além de Diretora Adjunta de Pós-Graduação.

Livros publicados:













ALGUMAS IMAGENS DO EVENTO

Célia Salsa, Cláudio Aguiar e Helena P. Cunha








Helena P. Cunha e Teresa Cristina Meireles













Helena P. Cunha e Messody Benoliel

Helena, Messody Benoliel, Eduardo F. Coutinho

Helena Parente e Helena Ferreira




Helena e Maximiliano Torres



Helena e Eduardo F. Coutinho

Helena Parente e Teresa Cristina Meireles



APOIO CULTURAL







Nenhum comentário: