domingo, 16 de agosto de 2015

ELIANA BUENO-RIBEIRO CELEBRA LYGIA FAGUNDES TELLES EM TARDE/ NOITE MEMORÁVEL NO PEN CLUBE DO BRASIL. CONFIRA.

 
(CLICAR NO LINK PARA ASSISTIR AO VÍDEO)
 

 
 
 OU CLICAR NO LINK DO CANAL YOU TUBE DO
FOCUS PORTAL CULTURAL

https://www.youtube.com/watch?v=fX6qK20skR8 
 

 


 
ELIANA BUENO-RIBEIRO
CELEBRA  LYGIA FAGUNDES TELLES
NO PEN CLUBE DO BRASIL

Na  última segunda-feira, 10 de agosto de 2015,  o salão de conferências  Marcos Almir Madeira do PEN Clube  do Brasil ficou totalmente lotado por seletíssima assistência de vários âmbitos culturais.  A  professora-doutora Eliana Bueno-Ribeiro, residente em Paris  há vinte e cinco anos,  proferiu  a  conferência diferente já no título:  "AS MENINAS DE SUAS MÃES" - MATERNIDADE E FILIAÇÃO em torno  da obra de Lygia Fagundes Telles".
O encontro foi aberto  pelo Presidente do PEN Clube,  Dr. Cláudio Aguiar  que   apresentou a conferencista, professora aposentada  da  Faculdade de Letras da UFRJ, com Pós-Doutorado em Literatura Comparada na Nouvelle Sorbonne, Paris III. Professora em diversas universidades francesas, ela,  recentemente, recebeu um prêmio internacional  sobre a obra de Graciliano Ramos, atribuído pelo Ministério das Relações Exteriores do Brasil. O Presidente do PEN Clube elogiou seus livros:  Tonico Pereira  - O ator Improvável  - Uma autobiografia não autorizada, publicado pela Imprensa Oficial do Estado de São Paulo; Santo Antônio, pela Editora Paulinas e seu ensaio  Graciliano Ramos - A leitura do Mundo.- para o Concurso Internacional realizado pelo Itamaraty.
Com desembaraço e verve, a conferencista iniciou  a conferência, esclarecendo o título impactante  da palestra  "AS MENINAS DE SUAS MÃES" - MATERNIDADE E FILIAÇÃO".  Ela se Inspirou no poema  "O menino de sua mãe", de Fernando Pessoa, adequando-o, porém,     ao universo feminino para analisar os  quatro romances de Lygia Fagundes Telles:  Ciranda de pedra, Verão no aquário, As meninas e Horas nuas. A abordagem da sua exposição foi  psicanalítica e  partiu  da teorias de duas  autoras  representativas da área, cujos pressupostos  rapidamente sintetizou para o público.
Sempre com a  fala fluente sem se ater a consultar o  escrito no papel, a doutora Eliana resumiu  o enredo de cada uma das obras  analisadas. Ao relatar os episódios dos livros, ia discutindo a sempre conflituosa relação entre mãe e filha existente nos textos de Lygia Fagundes Telles.
Analisou detalhes dos comportamentos entre mãe e filha, justificando ser o de melhor  realização a do  livro  Horas nuas. A  protagonista é Rosa Ambrósio, uma atriz  esplendorosa, mas já  madura, e suas complicadas ligações com a filha.
A abordagem da Professora foi altamente inovadora. Até agora, ninguém tinha aprofundado essa questão  da maternidade e filiação com tais fundamentos  na obra da ficcionista.  Ela utilizou um viés bem diferente para  dissecar os  romances da autora. Este  ensaio  constará de seu livro sobre escritoras brasileiras, a ser publicado em 2016.
Eliana Bueno Ribeiro é niteroiense, filha do jornalista e historiador Ayrton Pinto Ribeiro, já falecido, embora  sempre lembrado em várias entidades culturais de Niterói. Há dois anos, a Câmara Municipal de Niterói prestou-lhe in memoriam  justa homenagem.
Tivemos uma tarde/noite digna de ser registrada em nossas páginas que  poderá tornar-se um documento  para futuras consultas dos internautas.
Focus  Portal Cultural, na pessoa de seu Diretor-editor, Alberto Araújo,  esteve presente  e cumprimenta a professora por mais esse sucesso.
Prezado foculista, eis abaixo algumas fotos do evento.
Para  acessar  o vídeo, clique no link do Focus Portal Cultural e assista à palestra, aqui colocada na íntegra. Merece  ser apreciada pelos amigos desta revista.
CLICAR NO LINK:
 
SEQUÊNCIA DE ALGUMAS FOTOS DO EVENTO
 
Cláudio Aguiar - Presidente do PEN


Eliana Bueno-Ribeiro - palestrante.

 

Público presente.










Helena Parente Cunha e Dalma Nascimento.


Dalma Nascimento e Eliana Bueno-Ribeiro.

Vicente de Percia, Eliana Bueno-Ribeiro, Dalma Nascimento.

Eliana Bueno-Ribeiro e Alberto Araújo

Dalma Nascimento e Vicente de Percia.


Eliana, Helena Parente e o professor Max.


Helena Ferreira e Eliana Bueno-Ribeiro.



Dalma Nascimento e Luíza Lobo.

Célia Salsa, Eliana Bueno-Ribeiro e Luíza Lobo.





 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
COMENTÁRIOS DE PERSONALIDADES
AMIGAS DO FOCUS PORTAL CULTURAL.
 
 
 
Caro Alberto,
Agradeço muito em primeiro lugar sua presença e a de Shirley a minha palestra no PEN Clube do Brasil. Agradeço, em particular,  o tão cuidadoso registro que dela você a fez.  As fotos estão  ótimas e  me  permitirão guardar uma lembrança nítida dos amigos que foram  partilhar  comigo  esse momento.   Agradeço também seu texto, tão cheio de boas e generosas palavras que só poderiam mesmo  vir de sua amizade. E finalmente sua gentileza - ímpar - de gravar toda a minha palestra.
Receba, caro Alberto, meu abraço amigo,
extensivo a Shirley.
Eliana

  

Eliana Bueno-Ribeiro
escritora e pós-graduada em
Literatura Comparada
na Nouvelle Sorbonne, Paris III
 
 
*********************************************
 
Alberto/Shirley: Quando estivemos em Paris ficamos hospedados no apartamento da Eliana. Ela é irmã da Lia, comadre de Elisabete. Ela é professora na França e estivemos na universidade onde ela leciona. Ela é viúva do Ronaldo e tem um casal de filhos. Niterói é um "celeiro" de intelectuais que são reconhecidos lá fora.  Eliana é um exemplo para o Brasil. E viva a verdadeira educação e cultura do nosso país!
Abraços,
GUADÁ

 
 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
Ernesto Guadalupe (Guadá),
jornalista e empresário. 
 
 
*********************************************
 

Caro Alberto:
Muito obrigado pelo envio do material da palestra da Eliana.  Eu infelizmente não pude ir no dia, mas agora posso assistir graças à sua generosidade.
Um grande abraço,
Eduardo Coutinho



 
 
 
 
 
 
 
 
 
Eduardo Coutinho, Escritor
e Professor Titular de Literatura Comparada
da Faculdade de Letras da UFRJ.
 
 
 
**********************************************
 

Alberto,
excelente o seu vídeo divulgando  a palestra da  niteroiense Eliana Bueno-Ribeiro no PEN Clube do Brasil, no dia 10.
Sendo Eliana uma das minhas grandes  amigas, sinto-me orgulhosa da sua competente  "abordagem inédita"  da obra de Lygia Fagundes Telles. 
E também agradecida a você  pela oportunidade que propicia a  Niterói de conhecer, através do seu Blog sem fronteiras, a dimensão intelectual de um nome que representa o Brasil na França. 
Divulgadora  no estrangeiro da  cultura nacional,  Eliana Bueno-Ribeiro honra a sua terra fluminense. Por longos anos lecionou literatura brasileira em universidades francesas. Atualmente,  é  diretora da revista eletrônica Passages de Paris  e vai lançar,  pela Paulinas Edições,  uma nova tradução dos Contos de  Charles Perrault.
Por isso, muito obrigada, Alberto,  pelo seu eficiente desempenho  de HERMES, o mito  grego  mensageiro das comunicações.
Dalma.

 
Dalma Nascimento,
escritora e doutora em Literatura Comparada
da UFRJ.
 
 
 
 
**************************************************
 
Diretor-editor do Blog Focus Portal Cultural, Alberto Araújo. Parabenizo o prestigioso veículo da mídia  em ter coberto e divulgado esse belo evento cultural  e reitero o prazer em tê-lo conhecido.
Vicente de Percia.


 
Vicente de Percia,
Membro da Associação Brasileira
e Internacional de Críticos de Arte
e da Bow Art International.

 
***********************************************
 
Olá, Eliana,
saudades de você!!!

Fiquei maravilhada em ter assistido à sua palestra com tanta desenvoltura e mestria. Apreciei o seu desempenho, talento e segurança ao abordar uma problemática que Lygia nos repassou há anos, mas, se tornou/tornará sempre presente em nosso dia  a dia: relação mãe-filha.  Você não deixou nada a desejar.  Foi simplesmente esmiuçadora. Repassou o tema de uma maneira tão agradável. Foi muito legal mesmo.  Eu, como psicóloga, acompanhei muito interessada o desenvolvimento do assunto.
O importante naquela memorável tarde/ noite também, foi que tive a oportunidade de conhecer o seu trabalho literário através da leitura de alguns títulos de suas obras pelo presidente do PEN Clube do Brasil o escritor  Dr. Cláudio Aguiar.
Eu já li o livro As meninas de Lygia Fagundes Telles há muito tempo e gostei muito de relembrar os conflitos e os dramas inseridos na impactante obra. Gostei também da sua forma carinhosa em nos receber e também o diretor do PEN CLUBE  e a primeira dama, Célia Salsa.

Aliás, eu e meu marido.  Alberto Araújo, já tivemos  o prazer de assistir a uma outra palestra sua na Faculdade de Letras da UFF (Niterói), sobre sua tradução de  Charles  Perrault.  Ele também gravou.

REVEJA NO LINK:
 
https://www.youtube.com/watch?v=TFGD5WqPl7o    PARTE I


https://www.youtube.com/watch?v=Jx7Kvp5QV1Y     PARTE II


Agora, soube que  breve o livro estará nas livrarias.

Parabéns e fica aqui o pedido: quando você voltar ao Brasil, nos presenteie com outra brilhante conferência, ok?

AQUI VAI O MEU ABRAÇO COM MUITO CARINHO!!!
Shirley.
 
 
 
 
Shirley Araújo,
poetisa e artista plástica.
 
*******************************************************

Eliana, que bom que essas coisas memoráveis não passem sem registro. O blog do Alberto Araújo tem-se encarregado de divulgar acontecimentos grandiosos. Digo isso porque ele preservou para o futuro a sua palestra do dia 10 no PEN Clube do Brasil. Para mim, foi a segunda oportunidade de assistir a uma palestra sua.
Ao ter conhecimento da sua fala, não pensei duas vezes. Lá estava eu lembrando então de nossas conversas em Paris,  quando nos conhecemos e falamos sobre os caminhos do Brasil.
Dessa vez de novo o nosso encontro foi proveitoso. Espero ainda, antes da sua viagem, poder reencontrá-la. Isso deverá ocorrer no próximo dia 26, (quarta-feira), 18 horas, por ocasião do lançamento do livro: Caminhando e Contando – Memória da Ditadura Brasileira, do qual você participa com outros escritores. Vamos, sem dúvida, nos encontrar no evento.

Até lá!
Mauro.
 
 

 
Mauro Carreiro Nolasco,
escritor e diretor da Editora Parthenon.

 
******************************************************
 
Adorei, Alberto. Estamos  todos felizes com você, Shirley, Dalma, Eliana e tantos amigos mais.  As fotos saíram ótimas. A câmera está nas mãos do artista. Nada como "albertar"! O abraço gordíssimo esticado até a Shirley.
Helena.
 
 
 
 
 
 
Helena Ferreira,
poetisa, professora de Língua e Literatura Espanhola da UFRJ.


*********************************************************************


Cara Eliana,


vinda do  vídeo,  montado pela performance do  Alberto  Araújo,  chegou-me sua fala, trazendo,  de imediato,  o profundo da dualidade  entre mãe  e filha em eternos conflitos. Caminhadas existenciais  da condição humana na sua abordagem psicanalítica bem articulada  da obra da Lygia Fagundes Telles, autora que me atrai muito.

Por certo,  os privilegiados que a ouviram diretamente, no PEN Clube, tiveram também  momentos de grande enriquecimento.

Seu sempre admirador, 

Norberto Seródio Boechat



 


 




Norberto Serôdio Boechat,
escritor e médico geriatra,
com mais de 30 anos de atuação,
escreveu vários livros


 ***************************************************
 

Agradeço a remessa da reportagem do Alberto Araújo sobre a conferência da Eliana Bueno Ribeiro no PEN Clube.  Gostei muito de ouvir a Eliana com toda a calma dissertar sobre o tema escolhido, inclusive da distinção que ela faz entre os textos da Nélida Piñon (que foi minha aluna no Curso de Jornalismo da PUC) e da Clarice Lispector, de um lado, e de outro os da Lygia Fagundes Teles (com quem tive agradáveis encontros nas reuniões de escritores na biblioteca de Plínio Doyle, os famosos sabadoyles, de que fui assíduo frequentador).  Que alegria para mim constatar que a minha querida Eliana cresceu tanto, e nos seus 25 anos de permanência na França tem dado tão importante contribuição à divulgação dos altos valores da cultura e da literatura brasileira!!!  Estou à espera de dois livros de sua autoria que me foram prometidos para conhecer outras expansões da sua alma benfazeja!


Maximiano de Carvalho e Silva

 


 

 

 

 

Maximiano de Carvalho e Silva, escritor, filólogo,  Professor Emérito da UFF, foi Diretor da Faculdade de Letras da UFF.  Professor de Língua Portuguesa dos Cursos de Jornalismo e Letras da PUC / RJ. 
 

***************************************************************************
Prezado Alberto,
muito obrigada por você ter-me enviado a palestra da professora Eliana Bueno-Ribeiro, nossa colega do Departamento de Teoria Literária da Faculdade de Letras da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Lastimei não ter podido assistir a ela, por encontrar-me em Salvador, atendendo a deveres familiares.
 
Abraços,
Olívia.

 
 
 








Olívia Barradas é ensaísta, professora de Literatura Comparada e Semiótica da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Foi Professora de Literatura Brasileira  na Sorbonne. Atualmente, Artista Plástica.
 
***********************************************************


 

A professora Eliana Bueno-Ribeiro nos apresentou um belo quadro da obra de Lygia Fagundes Telles na tarde da segunda-feira (10 de agosto) no PEN Clube do Brasil, mostrando seu profundo conhecimento da escritora paulista.
Luiza Lobo
 
 
 
 
 
 

Luiza Lobo
romancista, tradutora, professora da UFRJ
e Secretária de Relações Internacionais do
PEN Clube do Brasil.

 
 
****************************************************
 
 
 
Muito obrigada a todos os amigos que me dirigiram tão generosas palavras. A eles - e ao Alberto Araújo - meu abraço.
Eliana Bueno-Ribeiro.
 
 
APOIO CULTURAL 
 
 





Nenhum comentário: