quinta-feira, 6 de outubro de 2016

ALGUMAS HISTÓRIAS, NADA MAIS DO ESCRITOR E ACADÊMICO GILSON RANGEL ROLIM ABRILHANTA A VITRINE DO FOCUS PORTAL CULTURAL NESTE MÊS DE OUTUBRO. CONFIRA.


 


 


Para abrilhantar as páginas desta revista eletrônica durante o mês de outubro, eis este livro do escritor e acadêmico Gilson Rangel Rolim,  Algumas histórias, nada mais. A edição incentiva a leitura a começar pela capa, simples, mas muito criativa, contém várias folhas da amendoeira hebraica sobrevoando o título da obra escrito no centro da capa e o nome do autor e da editora aparecem logo abaixo, sim, apenas isso! Porém, o que então as imagens nos repassam?  Muito importante observarmos, pois a amendoeira é considerada a "despertadora", para os cristãos, esta árvore significa a visão da esperança na adversidade, a aparição da vida sobre a morte, a frutificação contínua.
 
O ponto alto é quando chega o inverno, a amendoeira resseca e parece morta, mas antes que o inverno termine, ela renasce. Assim são os contos/crônicas de Gilson Rolim, eles despertam das profundezas do seu coração florido e se tornam vida pulsante.  E essa publicação veio fazer abrirmos os olhos e despertarmos para algo humano e suave.

Em Algumas histórias e nada mais, Gilson Rolim encanta pela singeleza de suas crônicas, impregnadas de questões socioambientais.

A obra Algumas histórias, nada mais, traz ao leitor muitas  surpresas. Você  desfrutará de momentos de prazer e imaginação. Os escritos são baseados em experiências, pensamentos e desejos como pessoa e como intelectual perante a sua vivência literária.

Algumas histórias e nada mais é uma vertente de alma literária com desfechos agradáveis, do início ao fim. O autor faz de seus personagens, portadores de dosagens explícitas de polidez que são capazes de sensibilizar o leitor.

Portanto é uma obra muito importante para a literatura fluminense, pela boa qualidade dos textos de Rolim.

Assim, conforme é  de praxe em nossa VITRINE,  este livro permanecerá durante todo este mês de outubro de 2016, veja no Blog é  logo no início e  à direita de nosso Focus Portal Cultural.

A obra reúne crônicas da mais completa categoria, revelando  momentos com  desfechos surpreendentes. Contém  104 páginas e foi publicado pela Editora Nitpress do jornalista Luiz Augusto Erthal.
 
 


Senhor de imponente senso de brasilidade, Rolim é um capixaba que canta, poeticamente,  a terra fluminense e aqui fez morada em Niterói, trazendo para esta terra  sua fórmula poética, relicário de tradições.

O fôlego literário de Gilson deve-se muito à presença do  seu pai,  o  também  escritor Azevedo Rolim, que soube transmitir as palavras com linguajar acessível e, sobretudo impressionar o leitor com entrelaçamento de ficção e realidade, aliás, esse é um dos temas muito escrito da  atualidade.

Dai conclui-se que suas escrituras são muitas complexas e que não ficaram nas dobras do tempo esperando que o Rio Macaé as leve em suas águas. Não! O escritor sempre ressurge com algo novo e energético.

Gilson Rolim é um desses intelectuais completos e serenos. Seus conhecimentos vão da literatura à sua profissão de contador, valiosa ocupação que tanto a absorveu por muitos tempos.

Apesar de que nosso convívio seja relativamente  recente, já pude aquilatar  a grandeza da sua competência literária e a sua vontade de querer um mundo melhor para a sociedade intelectiva.

Publicada pela renomada Nitpress, o livro contém 104 páginas de flores coloridas para serem distribuídas nesta estação primaveril.

Portanto, caro leitor, cabe-lhe adquirir a obra indicada do mês de outubro na nossa Vitrine do Focus Portal Cultural.










Alberto Araújo
editor








****************************
 


COMENTÁRIOS


 
 

Aberto, pela sinopse apresentada, esse livro detêm um rico conteúdo e, com certeza, vai atrair a atenção prestigiosa dos observadores voltados para a literatura. Parabéns  por mais esse acerto, amigo Alberto, grande editor e jornalista.

 

Bjs.
Socorro Cavalcanti
Vice-presidente da ALCE.
 
 
 
Postado também no site da ALACE- Academia de Letras e Artes do Ceará.

CLICAR NO LINK:
 

 
 
 
 



APOIO CULTURAL







 

Nenhum comentário: