quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

PIANISTA MARCO AURÉLIO DE FARIA EM A MAGIA DO SOM. HOMENAGEM DO FOCUS PORTAL CULTURAL. CONFIRA.

 
(CLICAR NA IMAGEM PARA ASSISTIR AO VÍDEO)
 


 
OU CLICAR NO LINK DO CANAL YOU TUBE DO
FOCUS PORTAL CULTURAL
 
 
 
A homenagem do Focus Portal Cultural de hoje (29 de dezembro de 2016) é para o pianista Marco Aurélio de Faria, intérprete de composições clássicas e contemporâneas, recém-formado Bacharel em Piano, pelo Centro Universitário do Conservatório Brasileiro de Música e tem se apresentado em diversos recitais pianísticos pela cidade.
Em entrevista ao nosso portal, o artista disse: Que após vários anos de convivência na área da música, sente-se consciente de sua contribuição cultural.

 
 
Marco Aurélio de Faria - pianista
 

 

O artista, também, falou que tem se dedicado desde criança para alcançar os seus desígnios, que é levar a música clássica para todos os públicos, independentemente, de classe social, cor e raça.


É com este objetivo que Marco Aurélio de Faria quer intensificar a carreira de pianista. O jovem intérprete é natural de Brasília, Capital Federal, mas desde os quatro anos de idade que reside em nossa cidade.

Apresentou-se em vários recitais, durante a sua trajetória musical, já expôs o seu dom artístico: Teatro Municipal de Niterói; UPPES – União dos Professores Públicos no Estado; Espaço Cultural São Judas Tadeu em Icaraí; Fundação Cultural AVATAR; Na apresentação cultural da ANE - Associação Niteroiense de Escritores; Na posse da diretoria 2015/2017 do Cenáculo Fluminense de História e Letras e outros eventos culturais.
Em seus recitais o pianista interpreta os grandes compositores clássicos: Johann Sebastian Bach, Fréderic Chopin, Edith Piaf, Michael Jackson, Ernesto Nazareth, Georg Friedrich Händel, Robert Schumman, Roberto Carlos, Henry Purcell, Tomaso Giovanii Albinoni, Domenico Scarlatti, Marcelo Barbosa e outros.


 
 
 
Marco Aurélio de Faria na
Posse da Diretoria do Cenáculo
em 24 de abril de 2015.

 
Marco Aurélio de Faria
tocou ao piano a música
Sonata Opus nº 22 - Beethoven.
Evento da ANE - 10 de abril de 2012.

 
Marco Aurélio de Faria se apresenta no
Espaço Cultural São Judas Tadeu, Icaraí,
em 30 de julho de 2014.
 
Pianista Marco Aurélio de Faria se apresenta na solenidade de posse de Alberto Araújo, no IHGN em 2012.
 
 
Marco Aurélio de Faria
no Recital no Teatro Municipal de Niterói,
em 09 de julho de 2013.
 

Marco Aurélio de Faria
no Recital no Teatro Municipal de Niterói,
em 09 de julho de 2013.
 

Marco Aurélio e sua professora de piano
Lúcia Ottuzi, na inauguração da loja Shilt's,
no Trade Center em Icaraí.
 
 

Marco Aurélio de Faria
no Recital na Fundação Cultural AVATAR
em 31 de maio de 2015.
 
 
 
 
UM POUCO SOBRE MARCO AURÉLIO DE FARIA
 

 

Marco Aurélio, nascido em Brasília, veio para o  Rio de Janeiro aos 4 anos, onde iniciou seus estudos de piano no Conservatório de Música do Estado do Rio de Janeiro. Bacharel em Piano no Centro Universitário do Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro - RJ.

 
 
Marco Aurélio de Faria aos 4 anos de idade.
 
 

 
Participou do Concurso de Piano "Alice Amarante dos Santos, que foi organizado pelo Conservatório de Música do Estado do Rio de Janeiro, obtendo a medalha de ouro.
 
Tem 7 CDs gravados  com  interpretação de músicas que são temas de filmes e novelas ao piano e 1 CD com composições de renomados artistas nacionais e internacionais interpretadas com sua bonita voz.
 
Já se apresentou na Academia Pan-Americana de Letras e Artes, no Porcão de São Francisco, no Avatar, na UPPES, na UFF, no Hotel Fazenda Trapiche em Macaé, na Casa da Amizade, na AABB de Niterói, no Colégio Salesiano, etc.
 
Fez curso de teatro no grupo Papel Crepom  e, neste período,  foi convidado a participar do grupo de teatro Meio-Dia  da Vida, quando encenou a peça "Rir ou Chorar... Eis a Questão!" da qual o ator Grande Otelo foi o patrono.
 
Como poeta escreveu o livro "Vivências Poéticas" e participou em antologias com poesias de sua autoria.

Participou também do XVI Concurso de Poesia, na Casa do Poeta Niteroiense, ganhando medalha de prata. Menção Honrosa no I Concurso de Poesia da Biblioteca Estadual de Niterói.

CONCERTOS REALIZADOS

Em 15 de abril de 2012, apresentou seu concerto de piano na Fundação Cultural Avatar, tendo chamado a Instituição Centro Social Vicenta Maria para ser a beneficiada. A apresentação do artista foi feita pela Lija Nogueira de Faria - Diretora artística da casa.
 
Em 21 de junho de 2012 - Teatro da UPPES- apresentado pelo professor Raymundo Nery Stelling.
 
Em 9 de julho de 2013 - Teatro Municipal de Niterói - apresentado pela Marilda Ormy, diretora geral do Teatro.

ENTREVISTAS

 
Entrevistado no Canal 36 - TV a cabo no programa e na Rádio Ideal. Entrevistado na TV Atlântica. Entrevistado no Canal 17 na UNITEVÊ.

 
ACADEMIAS

 
Membro da Academia Pan-Americana de Letras e Artes; Membro da Academia de Letras da Região Oceânica de Niterói-RJ; Membro da Academia Niteroiense de Belas Artes.

 
PARTICIPAÇÕES

 
Assistente de Produção da peça "Para Você" em homenagem a Tônia Carrero. Participou do CD Xuxa Só Para Baixinhos 11 cantando Funiculi Funicula. Participante do Coral Italiano de Niterói como tenor.
 
 
Escritora e filóloga Dionilce de Faria
a maior incentivadora do pianista
Marco Aurélio.
 
 


*******************************
 
 
 
 
Homenagem do FOCUS PORTAL CULTURAL
ao pianista Marco Aurélio de Faria.



Alberto Araújo - editor do Focus Portal Cultural
com Marco Aurélio de Faria, a foto foi feita após
o recital do pianista, em 30 de julho de 2014,
no Espaço Cultural São Judas Tadeu - Icaraí-
Niterói - RJ.




APOIO CULTURAL
 
 


 
 COMENTÁRIOS
 
 
 
Alberto, parabéns para você pela merecida homenagem a  Marco Aurélio de Faria em A magia do som e parabéns para o pianista pela execução do trabalho musical.
Cordialmente
Márcia Pessanha.
 
 
Márcia Pessanha
é escritora e Pres. da Academia Niteroiense de Letras.
 
 
 
*************************


 


 
 

Um comentário:

Luiz Carlos Lemme disse...

Ao entender que "o artista deve estar onde o povo está", Marco Aurélio de Faria trouxe as obras eruditas ao encontro de todos nós, com interpretações delicadas e um desejo saudável de popularizar a música clássica internacional.
A arte, que vibrava em suas veias, fez dele um poeta apaixonado, um ator versátil no moderno teatro de costumes e um intérprete afinado do bel canto coral.
Tudo isso com o reconhecimento cultural da Academia Pan-Americana de Letras e Artes, da Academia de Letras da Região Oceânica de Niterói e da Academia Niteroiense de Belas Artes, instituições que o acolheram como membro ilustre.
Ficamos assim, Alberto: vamos aplaudir de pé um artista completo de nossa cidade, um dedicado menestrel dos tempos modernos.