segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

CERIMÔNIA DE ENTREGA DO PRÊMIO UFF DE LITERATURA 2013. CONFIRA.

 
 
 
 

Cerimônia de entrega do Prêmio UFF de Literatura 2013
homenageia centenário do poetinha


 A Universidade Federal Fluminense homenageou o poeta Vinicius de Moraes, durante a festa de entrega do Prêmio UFF de Literatura, a realizada no dia 17 de dezembro, às 18h, no auditório da Academia Fluminense de Letras (Biblioteca Pública de Niterói, Praça da República s/no, Centro, Niterói).



 
Durante a cerimônia, foram conhecidos os vencedores do Troféu Itapuca nas categorias conto, crônica e poesia, entre os mais de trezentos textos enviados, de todo o país, aos organizadores do concurso. Em sua sétima edição, o evento contou, ainda, com a encenação de textos premiados, realizada pelos atores do Nepac (Núcleo de Ensino e Pesquisa de Artes Cênicas) da UFF, e o lançamento da antologia com os vinte trabalhos de cada categoria selecionados pelo júri.

No ano em que o poeta comemoraria seu centenário, o Prêmio UFF de Literatura tomou como tema os versos. A vida é a arte do encontro, embora haja tantos desencontros pela vida. Como resultado, textos poéticos que falam de amizade, amor, terras distantes.
 
 
O concurso elegeu 60 textos, reunidos na coletânea lançada no encerramento da festa. “Fiquei super emocionada, principalmente com as interpretações dos textos vencedores feitas pelos atores”, afirmou Valéria Áurea, primeiro lugar do gênero poesia. Os outros premiados foram: Carlos Benites, em segundo, e J. L. Silva, em terceiro lugar.

O jornalista Paulo Porrelli foi o vencedor da categoria crônica, e Thiago Luz e Bruno de Lima ficaram em segundo e terceiro lugares, respectivamente. “A premiação foi uma grande surpresa, pois a crônica é um gênero recente para mim. Fiquei entusiasmado com o resultado e, agora, penso em seguir carreira como escritor!”, disse Porrelli, que, assim como os outros classificados em primeiro lugar, recebeu o Troféu Itapuca, um laptop e exemplares da coletânea.

Na categoria conto, a vencedora foi a paulista Lygia Roncel. “Vim para Niterói sem grandes expectativas e fiquei feliz com a surpresa. Pretendo publicar um livro de contos no próximo ano e seguir a carreira literária”, comemorou. Fechando a premiação, Iara Sydenstricker teve seu conto classificado em segundo lugar, e o de Marina Tschernyschew ficou em terceiro.

"A noite foi um sucesso, com ambiente bacana e auditório cheio, demonstrando a importância do concurso", avaliou Mauro Romero Passos, diretor da Editora da UFF. Sônia Peçanha, coordenadora do projeto, ressaltou a dificuldade na seleção dos textos enviados pelos participantes, que representaram muito bem o tema proposto. “A festa foi ótima! Deu para sentir a emoção dos espectadores”, afirmou.

A coordenadora destacou ainda a emoção provocada pela interpretação dos textos classificados em primeiro lugar pelas atrizes Raquel Penner e Ana Moura, do Núcleo de Ensino e Pesquisa de Artes Cênicas (Nepac), dirigidas por Leonardo Simões, que também atuou durante a apresentação.

O Prêmio UFF de Literatura integrou os festejos pelo aniversário da universidade e teve o patrocínio da Fundação Euclides da Cunha e da Imprensa Oficial do Estado do Rio de Janeiro, além do apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UFF e da Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio e Indústria.

O concurso teve também o patrocínio da Imprensa Oficial do Estado do Rio de Janeiro, da Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio e Indústria, da Fundação Euclides da Cunha e da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (Proex) da UFF. O

Prêmio UFF de Literatura também marcou a comemoração do aniversário de 53 anos da universidade.
 



 
FONTE E INFORMAÇÃOES

Nenhum comentário: