quinta-feira, 1 de outubro de 2015

CHÁ VESPERTINO DA ASPI-UFF EM HOMENAGEM ÀS ENTIDADES CULTURAIS E PERSONALIDES NA ÁREA DA CULTURA DE NITERÓI.

 
 
 
(CLICAR NA IMAGEM PARA ASSISTIR AO VÍDEO)
 
 
OU CLICAR NO LINK PARA ASSISTIR AO VÍDEO
NO CANAL YOU TUBE DO FOCUS PORTAL CULTURAL
 
 
 

CHÁ VESPERTINO - HOMENAGEM ÀS ENTIDADES CULTURAIS  E PERSONALIDADES NA ÁREA DA CULTURA DA CIDADE DE NITERÓI.
 
 
ASPI UFF - Associação dos Professores Inativos da Universidade Federal Fluminense,  Niterói, Rio de Janeiro, Brasil.
 
Na quinta-feira, 27 de agosto, aconteceu o Chá Vespertino, evento organizado pela ASPI-UFF, Associação dos Professores Inativos da UFF, para homenagear as instituições e personalidades na área da Cultura na cidade de Niterói. A tarde memorável contou com presença do Duo Grundig & Santoro que se apresentaram com um repertório rico da Música Popular Brasileira.
O recital do Duo, que compreendeu o período romântico alemão ao contemporâneo brasileiro, passando pelo romântico brasileiro. Segundo os musicistas,  representou um novo desafio, pois a experiência anterior de Brigitta Grundig e Peri Santoro, no Conjunto Música Antiga da Rádio MEC, era no campo da música do período barroco até o pré-clássico.
O programa do “Chá Vespertino” constou de peças da compositora e pianista Fanny Hensel, de indiscutível talento, irmã do célebre compositor Felix Mendelssohn. Também canções de Alberto Nepomuceno, Heitor Villa-Lobos e Cláudio Santoro e outras letras de grandes poetas brasileiros.
 
 
Um pouco sobre o Duo Grundig & Santoro
Brigitta Grundig. Canto e Peri Santoro. Piano
O Duo Grundig & Santoro iniciou suas atividades em outubro de 2013, com o intuito de compartilhar o rico universo musical do Romantismo alemão dedicado ao gênero “Lied“, a canção artística. Pretende, também, desenvolver performances caminhando historicamente para trás no classicismo vienense e para frente no impressionismo europeu e na música brasileira dos séculos 19 e 20.
O Duo é formado por Brigitta Grundig e Peri Santoro, ambos músicos com vasta experiência camerística.
Brigitta Grundig, Soprano. Natural de Porto Alegre, RS, estudou canto, no Rio de Janeiro, com Dircéa de Amorim e Nilze Miriam Vianna, graduando-se na UniRio. Foi componente do Conjunto Música Antiga da Rádio MEC e participou do Coral de Câmara de Niterói e do quarteto vocal Quadrivium dentre outros grupos musicais. Integra o Coro da UFF desde 2011, onde também é solista. Atualmente estuda canto com Sonia Leal Wegenast.
Peri Santoro, Piano. Carioca, estudou piano com Ordália Jacobino, Diva Lyra  e Luis Henrique Senise, bacharelando-se pela Academia de Música Lorenzo Fernandez. Participou do Conjunto Música Antiga da Rádio MEC, do Conjunto Roberto de Regina e do conjunto Música Antiga da UFF; atualmente atua no Coro Jovem da UFF, como acompanhador e assistente de regência, e dirige o Coral Seresteiros do Villa. É Doutor em Poética pela UFRJ e Mestre em Ciência da Arte pela UFF.
UM POUCO SOBRE A ASPI-UFF
 
Fundada em 1992, numa circunstância implexa, em que se penetravam políticas públicas de desmonte de uma série de conquistas asseguradas no texto da Constituição de 1988, de direitos sociais e trabalhistas – ainda presentes na administração atual –, a ASPI-UFF foi iniciada pelo professor Maximiano de Carvalho e Silva, e atualmente no comando da professora Aidyl de Carvalho Preis que, assumiu a direção das edições mensais, com firmeza e talento. Sem esquecer, claro, que grande parte da história foi-se construindo de passagens heroicas e fraternas, que tornaram a ASPI uma notável matriz referencial de aspirações sonhadas, de solidariedade e de trabalho meramente partilhado.
 
Ao ser criada há 23 anos, a Associação dos Professores Inativos da Universidade Federal Fluminense era uma instituição pequena. Tinha apenas uma certeza, expressa, aliás, em escrito em seu Estatuto: NÃO É UM ÓRGÃO SINDICAL.
Aos poucos, seu perfil está sendo tracejado a partir dos vastos conhecimentos adquiridos. Outra algo importante que vale sabermos. Quase na totalidade os associados tinham uma ideia, de que queriam conviver um pouco mais descontraídos, desejavam conhecer  colegas de magistério com os quais, embora tinham trabalhado no mesmo período, jamais se encontravam na Universidade, por não haver programas que ensejassem uma vivência amena fora dos  embates e confrontos a que a vida profissional às vezes os levavam. Assim, a Diretoria logo resolveu e estabeleceu  a realização de almoços mensais de confraternização e de passeios, propiciando a aproximação dos associados e criando elos fortes de solidariedade os quais muito os uniram nestes anos de vida tão marcados por acontecimentos importantes. A ASPI-UFF,está localizada na rua Passo da Pátria 19, em Niterói-RJ-Brasil.

PROGRAMAÇÃO
1ª PARTE
Die Mainacht - Fanny Hensel / Ludwig HOIty
Schwanenlied - Fanny Hensel / Heinrich Heine
Warum sind denn die Rosen so blass - Fanny Hensel / Heinrich Heine
O wag' es nicht - Alberto Nepomuceno / Nikolaus Lenau (Não ouses brincar comigo)
Coração indeciso - Alberto Nepomuceno / Frota Pessoa
Trovas - Alberto Nepomuceno /Osório Duque Estrada
Saudades da minha vida - Heitor  Villa-Lobos / Dante Milano
 
2ª PARTE
Homenagens especiais às entidades culturais
e personalidades na área de Cultura da cidade de Niterói.
Assista ao vídeo - clicar no link:
 
 
 
3ª PARTE
Canção do poeta do séc. XVIII - Modinha - Heitor Villa-Lobos / Alfredo Ferreira
Melodia sentimental - Heitor Villa-Lobos / Dora Vasconcelos
Ouve o silêncio - Cláudio Santoro / Vinicius de Moraes
Acalanto da rosa - Cláudio Santoro / Vinicius de Moraes
Amor em lágrimas - Cláudio Santora / Vinicius de Moraes
e no final a Confraternização. 
 
ALGUMAS IMAGENS DO EVENTO
 

Neusa Pinto
diretora cultural da ASPI-UFF
momento em que inicia o evento.

Público presente.

Brigitta Grundig  canta
e Peri Santoro a acompanha ao piano.


 


Outro ângulo do público presente.




Aidyl de Carvalho Preis
profere palavras de agradecimento.









Lucia Molina Trajano da Costa - Vice-Presidente da ASPI-UFF
profere palavras de saudação ao artista plástico
Robert Preis.

Aidyl de Carvalho Preis
encerra a homenagem e convida a todos
para o saboroso chá.
 
 
REALIZAÇÃO
 
 
 
APOIO CULTURAL
 
 
 
 
 
FONTE
 
Texto quase na totalidade baseado em um dos informativos da ASPI-UFF.
 
 

Nenhum comentário: