sexta-feira, 4 de setembro de 2015

ESCRITORES AO AR LIVRO COMEMORA O DIA DOS PAIS EM DATA ESPECIAL, NA MANHÃ ENSOLARADA DE 16 DE AGOSTO. CONFIRA.

 
 
(CLICAR NA IMAGEM PARA ASSISTIR AO VÍDEO).
 

 
OU CLICAR NO LINK DO FOCUS PORTAL CULTURAL
NO CANAL YOU TUBE
 
 
 
 
 
ESCRITORES AO AR LIVRO
COMEMORA O DIA DOS PAIS EM DATA ESPECIAL,
NA MANHÃ ENSOLARADA DE 16 DE AGOSTO.



O DIA DOS PAIS neste  ano de 2015 caiu no dia 09 de agosto. Com presentes, mensagens, beijos, abraços, filhos e filhas reverenciaram seus progenitores, demonstrando todo o carinho e afeto que existem no coração humano.
Mas a data comemorativa dos nossos queridos heróis, somente ocorreu  no dia 16 de agosto na Associação Escritores Ao Ar Livro, coordenada pelo poeta e curador Paulo Roberto Cecchetti, Com a gentileza de sempre, ele preparou uma festa especial para comemorar o DIA DOS PAIS, congraçando os intelectuais de Niterói na Tenda Literária da Praça Getúlio Vargas, Icaraí, Niterói-RJ.
A comemoração iniciou-se às 10 horas. Poetas, escritores e amigos recitaram poesias em homenagem aos seus entes queridos. Todos os literatos presentes poderiam recitar textos de sua autoria ou pedir alguém de sua preferência para fazê-lo. Inclusive a professora e acadêmica Márcia Pessanha leu um texto desse seu amigo editor. Foi muito emocionante e festiva  aquela comemoração no Quiosque dos Escritores.
Clicar no link para assistir ao filme com as imagens:

Após as apresentações foi servido um lanche caprichado para os convidados. Todos os escritores, que são pais, puderam retribuir o amor e o carinho recebidos pelos amigos, através de suas homenagens.
 
 
CURIOSIDADE:
 
O Dia dos Pais é uma data para se comemorar com muita alegria. É celebrada todos os anos no segundo domingo de agosto. 
ORIGEM DO DIA DOS PAIS
Há relatos de que o Dia dos Pais surgiu na Babilônia, há mais de 4 mil anos atrás, quando um jovem chamado Elmesu fez um cartão de argila para seu pai, desejando-lhe sorte, saúde e longa vida. Em registros mais novos, no ano de 1909, nos Estados Unidos, Sonora Louise Smart Dodd resolveu criar o Dia dos Pais por causa da admiração que sentia pelo seu pai, William Jackson Smart. Foi escolhido o dia de seu aniversário, 19 de junho.
Os americanos se interessaram muito pela data e não demorou muito para a celebração se difundir por todo o estado de Washington e logo se espalhando pelo país inteiro. Em 1972, o Presidente Richard Nixon, oficializou então o Dia dos Pais.
DIA DOS PAIS NO BRASIL
Existem relatos que contam a possível história da origem do Dia dos Pais no Brasil. Segundo alguns registros históricos foi o publicitário Sylvio Bhering que, em 1953, propôs que fosse celebrado o primeiro Dia dos Pais no Brasil. Na tentativa de tentar atrair comerciantes a publicarem no jornal "O Globo", o meio de comunicação difundiu a data, que rapidamente se tornou popular. Sylvio Bhering escolheu dia 16 de agosto para comemorar o Dia dos Pais por ser dia de São Joaquim (segundo a tradição católica o pai da Virgem Maria, avô de Jesus Cristo). Algumas fontes afirmam que possivelmente São Joaquim fosse o "patriarca" da família Bhering. Para que acabasse caindo sempre em final de semana, acabou sendo escolhido o segundo domingo de agosto.
DIA DOS PAIS NOS ESTADOS UNIDOS E NO MUNDO
A data da comemoração do Dia dos Pais varia de acordo com os países, como por exemplo, nos Estados Unidos é no terceiro domingo de junho.
JÁ EM PORTUGAL O DIA DOS PAIS É NO DIA 19 DE MARÇO.
O Dia dos Pais é considerado por muitos apenas uma data comercial, mas é marcado sempre por presentes, frases, poesias, que são dadas aos pais. Especialmente as crianças fazem homenagens a seus pais, geralmente com pequenos presentes preparados na escola.
 
ALGUMAS IMAGENS DO EVENTO
 
 
Escritores posam para as câmeras do Focus Portal Cultural.

Imagem frontal da Tenda dos Escritores.
 
Busto de Getúlio Vargas.
 
Magda Belotti e Belvedere Bruno.
 
 
Aldo Pessanha, Jeferson Tardin, Cecchetti e Wilma.
 
 
Carlos Rosa e Belvedere Bruno.
 
Belvedere, Sissa Schultz, Zuleika Hallais, Cyana Leahy.

Shirley Araújo, Dalma Nascimento, Belvedere e Cristina.

Gilda e Mimi Luck.


Paulo Roberto Cecchetti e Magda Belotti.

Carlos Rosa, Robert Preis, Cecchetti e Sávio Soares.
 
Aldo Pessanha, Marcia Pessanha, Cecchetti, Magda Belotti.
 
 
 
REALIZAÇÃO
 
 
 
APOIO
 
 
 
 
 
 

Um comentário:

Marcia Pessanha disse...

Foi uma agradável manhã, no espaço dos Escritores ao Ar Livro, coordenado por Cecchetti, em que reverenciamos a memória de nossos pais, e eu tive a alegria de declamar um poema de autoria de Alberto Araújo (sobre seu pai). Valeu!